GUARDA MUNICIPAL DE BELO HORIZONTE TEM PORTE DE ARMA LIBERADO PELA POLICIA FEDERAL.



Segurança. Superintendente assinou permissão de porte para 350 agentes; processo deve terminar em três meses
Polícia Federal autoriza Guarda Municipal de BH a usar arma
Estudo define áreas onde segurança será armada; grupo vai receber treinamento
Flávia Martins y Miguel
A Polícia Federal autorizou a concessão do porte de armas à Guarda Municipal de Belo Horizonte, concluindo os termos finais do convênio com a Prefeitura de Belo Horizonte. O documento, de acordo com a assessoria do órgão, foi assinado pelo superintendente da PF em Minas Gerais. Marcos Salem e, agora, depende apenas da assinatura do prefeito Marcio Lacerda para a publicação no "Diário Oficial da União". Os passos seguintes serão a inclusão dos dados pessoais de cada servidor da corporação no Sistema Nacional de Armas (Sinarm) e o fornecimento do número de inscrição na carteira funcional dos guardas. Caso a prefeitura dê prosseguimento imediato aos trâmites burocráticos, as licenças podem sair em três meses. A prefeitura ainda não definiu a data da assinatura do convênio. Desde o ano passado, a tropa da capital já havia cumprido todas as exigências vigentes no Estatuto do Desarmamento.

No entanto, apenas cerca de 350 guardas estarão aptos a manusear os revólveres calibre 38, que já é este o número de equipamentos adquiridos pela prefeitura desde de 2006. A escolha dos locais que contarão com os agentes armados depende de um estudo sobre as necessidades de cada unidade pública. Hoje, depois de cinco anos da criação da guarda, escolas públicas, centros de saúde, praças e cemitérios são exemplos de patrimônios que contam com o reforço da segurança municipal, em virtude de roubos, furtos e vandalismo. Segundo o secretário municipal de Segurança Urbana e Patrimonial, Genedempsey Bicalho, o último item que para a distribuição das armas aos agentes era apenas a assinatura do convênio com a PF, que já está bastante encaminhado. Bicalho informou também que todos os guardas municipais irão passar por um treinamento de tiros quando tiverem adquirido o portes de armas.

"A guarda nasceu com o propósito de portar armamento. Ainda não tinha acontecido porque tem um processo rigoroso para que isso seja autorizado. São centenas de municípios que passam pelo mesmo processo. Temos um estudo permanente sobre a variação da segurança dos prédios públicos e vamos definir, posteriormente, que grupo irá fazer a segurança portando o armamento", contou o secretário. Entre as capitais do país que já contam com a guarda armada estão São Paulo, Vitória e Recife. Em Fortaleza, o uso do equipamento está sendo discutido. Entre as atribuições da tropa da capital estão a proteção de órgãos, entidades, serviços e o patrimônio da cidade, além da atuação na fiscalização, controle e orientação do trânsito e do tráfego e execução de atividades de prevenção e combate a incêndios nos próprios municípios.

Lei 10.826/03

Estatuto. Proíbe o porte de arma de fogo em todo o território nacional, entre algumas exceções estão as guardas municipais das capitais dos Estados e dos municípios com mais de 50 mil habitantes.

Números da guarda em BH

350 armas foram adquiridas pela Guarda Municipal em 2006

13.382 Total de projéteis comprados pela prefeitura em 2006

1.954 servidores municipais fazem parte da corporação municipal

R$900 mil Custo das armas e munições comprados pela prefeitura

Opinião dos belo-horizontinos

"Na minha opinião, a Guarda Municipal deve ser armada sim. Isso porque são pessoas consideradas autoridades e com capacitação. Por isso, é necessário o uso de armamentos. Hoje os marginais andam totalmente armados e a força da guarda deve ser maior."

Carlos Renato Dias Gerente do Centro de Saúde Barreiro

"Na verdade, não vejo muito a presença da Guarda Municipal aqui nas redondezas da praça, A Polícia Militar é mais presente. Mas eu concordo com o uso de armas, assim os bandidos se amedrontam mais. Impõe mais respeito e, assim, mais segurança para os moradores."

Israel Correia
Estudante, Morador da Avenida Olegário Maciel

FONTE: O tempo

Comentários

Anônimo disse…
olá, obrigado a todos vcs que apoiam o uso de armas de fogo pela GMBH, sou GM e é lógico que apoio o uso de armas de fogo por nós, como é que vamos fazer segurança se em primeiro lugar não fizermos a nossa?

Postagens mais visitadas deste blog

GUARDA MUNICIPAL DE PARELHAS É APRESENTADA A POPULAÇÃO.GUARDA DE JARDIM DO SERIDÓ ESTEVE PRESTIGIANDO!

DOIS MENORES SÃO APREENDIDOS PELA PM EM JARDIM DO SERIDÓ

JARDIM DO SERIDÓ Polícia encontra homem nu e morto dentro de quarto