Gabinete de Gestão Integrada Municipal apresenta projetos para segurança pública


Prefeita Micarla de Sousa (ao centro) com o titular da Semdes, Sérgio Leocádio.
Comandante GMN, Edivan Bezerra, e subcomandante de Segurança GMN, Izaac Duarte, participaram da reunião

Com o pensamento que segurança pública é um direito e dever compartilhado por todos, a Prefeitura de Natal, por meio da Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semdes), realizou nesta terça-feira(19), na sede da Semdes, a 2ª reunião do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGI-M), para apresentar o projeto de videomonitoramento da cidade, o projeto Rede Segura e a doação de armas não letais para a Guarda Municipal.


A prefeita Micarla de Sousa participou da reunião e citou a capital da Colômbia (Bogotá), como exemplo de reversão da criminalidade. Na opinião da prefeita, pequenos atos realizados por muitas pessoas geram resultados positivos na questão da segurança pública. Para a chefe do executivo municipal, a prevenção da segurança é um dever de todos.


Conforme assinalou, a ideia da Prefeitura é catalisar as ações de todos os órgãos de segurança pública e defesa social, juntando esforços para combater preventivamente ações criminosas e o consumo de drogas, especialmente o crack. Ela externou a sua preocupação no tocante aos bandidos de outros estados virem praticar crimes em Natal. “O projeto Rede Segura abrange toda a sociedade. A Prefeitura fará a sua parte, mas a ponta da rede está na Polícia Militar”, ressaltou.


O secretário municipal de Segurança Pública e Defesa Social, Sérgio Leocádio, informou que o projeto de videomonitoramento prevê a instalação de 30 câmeras de vídeo em locais estratégicos da capital, englobando as quatro regiões administrativas da cidade. A praça André de Albuquerque, a Parada Metropolitana, a praia da Redinha e a avenida das Fronteiras, na zona norte, por exemplo, receberão o equipamento. O sistema será integrado ao da Polícia Militar e da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana que opera o seu sistema de monitoramento do trânsito com 18 câmeras espalhadas por Natal.


O objetivo é evitar assaltos, furtos, pedofilia, tráfico de drogas, vandalismo e outros delitos cometidos por criminosos. “O nosso sistema será um dos mais sofisticados do Brasil. O Governo Federal entra com todo o equipamento e a Prefeitura com a manutenção e operacionalização do circuito de câmeras”, informou o secretário.Outro projeto da Prefeitura no campo da segurança pública e defesa social é o projeto Rede Segura. A idéia é integrar todos os órgãos de segurança. O projeto consolida o advento de uma nova ferramenta criada pela Prefeitura, operada pela Guarda Municipal, e compartilhada a todos os órgãos de segurança.


Na prática, o Rede Segura é um sistema de rádio que envolverá a frota de táxis da cidade, hotéis, pousadas e os órgãos de segurança pública e defesa social. A Semdes já visitou 140 condomínios. É importante frisar que 85% das invasões em condomínios ocorrem pela portaria.Sérgio Leocádio informou ainda que o governo federal incluiu Natal na doação de equipamentos não letais, como pistolas, gás pimenta, além de coletes à prova de bala. “A segurança é mais ação social do que ação policial”, ressaltou.


A reunião contou ainda com representantes da Defesa Civil do Município, Guarda Municipal de Natal, Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana, Secretaria Municipal de Relações Institucionais e Governança Solidária, Secretaria Municipal de Trabalho e da Assistência Social, Câmara Municipal de Natal, mais a Polícia Militar, Polícia Federal e a Polícia Rodoviária Federal, além da Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social.



Fonte: Assecom PMN.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

GUARDA MUNICIPAL DE CRUZETA AVANÇA E SE DESTACA NO SERIDÓ .

GUARDA MUNICIPAL DE PARELHAS É APRESENTADA A POPULAÇÃO.GUARDA DE JARDIM DO SERIDÓ ESTEVE PRESTIGIANDO!

DOIS MENORES SÃO APREENDIDOS PELA PM EM JARDIM DO SERIDÓ